Delegado aposentado de Três Lagoas recebe diploma de Mérito à Ordem

0

Em sessão solene do dia 24 de agosto, os vereadores da Câmara Municipal de Três lagoas homenagearam, com a entrega do diploma de Mérito à Ordem, 16 advogados que atuam no município. Um dos homenageados foi o Dr. Paulo Henrique Rosseto de Souza, delegado aposentado, advogado e professor universitário.

“Noite de extrema alegria. O atual momento pelo qual passa o país, de profunda crise institucional, onde os mais diversos órgãos públicos estão inseridos nesse cenário, quando as críticas sempre prevalecem aos elogios, onde a dúvida é uma constante e a certeza uma eventual companheira, receber uma homenagem faz toda a diferença”, assim declarou Dr Rosseto, que recebeu o diploma pelas mãos do vereador Davis Martinelli Leal.

Para o Delegado Paulo Rosseto, o recebimento da homenagem Mérito à Ordem foi fruto de uma conjugação de fatores, decorrentes da atuação como advogado, delegado de polícia e como professor universitário. “O fato de sempre pautar as ações dentro da legalidade e da ética propiciaram os fatores para o recebimento da homenagem, a qual estendemos a todos os colegas”, disse.

Embora tenha escolhido três profissões aparentemente distintas para seguir, Dr Rosseto afirma que as áreas estão intimamente ligadas. “A profissão de Delegado de Polícia congrega diversas outras profissões dentro dela. Os Delegados de Polícia são psicólogos, médicos, assistentes sociais, juristas, professores, enfim, têm uma gama enorme de atuação que exige do profissional uma formação complexa, sempre agregando valores para realizar sua função de melhor maneira possível”.

Professor Universitário desde 2002, o Delegado explica que tem levado a seus alunos, nesses mais de 15 anos, a visão de uma Polícia Civil que cumpre sua função, “além da verdadeira face do Delegado de Polícia, que atua dentro da legalidade, e com ética”, ressalta.

“Sempre vemos Juízes, Promotores, Defensores, como professores universitários defendendo a bandeira de sua instituição, e vemos poucos colegas Delegados de Polícia como professores universitários defendo a Polícia Civil e os Delegados de Polícia. Esse contato próximo com o aluno permite transmitir a nossa realidade, nossas dificuldades, nosso ponto de vista sobre os mais diversos assuntos jurídicos”, defende Dr Rosseto.

Deixe uma resposta